31 de Outubro: protesto em São Bento contra o Orçamento de Estado

31 de Outubro: protesto em São Bento contra o Orçamento de Estado

30-10-2012

A Plataforma 15 de Outubro apela à participação de todos contra o Orçamento de Estado apresentado pelo governo de Passos e Portas, um orçamento que «não nos representa» e cujo aumento brutal do IRS irá inviabilizar a sobrevivência de milhares de famílias. Exigem a queda do Governo, apelando à participação nas concentrações que se realizarão às 15 horas (com o movimento “Que se Lixe a Troika”), às 17 horas (com a CGTP-IN) e às 19 horas com uma manifestação de solidariedade com os estivadores, através do apelo do MSE - Movimento Sem Emprego, porque «a luta dos estivadores é uma luta de todos nós». 

A Plataforma 15 de Outubro considera que este Orçamento representa uma guerra aberta a todos – com níveis assustadores e catastróficos de desemprego, sem qualquer perspectiva para milhares e milhares de pessoas, com violentos cortes na Saúde, que implicam cada vez mais o racionamento de medicamentos e tratamentos oncológicos, com um salário mínimo cada vez mais baixo, com níveis de precariedade e exploração só vistos antes do 25 de Abril, com cortes na Educação e maior desemprego entre docentes, levando a que universidades possam vir a encerrar, e muito, muito mais. A alternativa da emigração - «é uma decisão de extrema violência para quem a toma e para as famílias" - não é solução.

O grupo Que se Lixe a Troika considera que este documento é «a reafirmação e o agravamento de uma política da troika e dos troikistas que nos levou ao desastre: somos hoje mais pobres, mais endividados e temos mais desempregados do que antes da chegada da troika e deste governo». Tal como anunciado a 13 de Outubro, no concerto "Que se lixe a troika! Cultura é resistência", o grupo apela à participação nesta concentração/vigília de vozes plurais, englobando cidadãos, sindicatos e outros movimentos sociais. «Este orçamento não passará!», é a palavra de ordem.

Também a Associação Contra a Precariedade apela ao protesto, assim como o Sindicato dos Enfermeiros Portugueses, a Frente Comum dos Trabalhadores da Administração Pública, cuja concentração se inicia às 15h30 no Marquês de Pombal, e outros sindicatos e colectivos.

Em Coimbra, a população sairá à rua «contra o Orçamento de Estado, contra a Troika, a austeridade, a injustiça e a exploração», numa manifestação convocada para as 19 horas na Praça da República, seguida de Jantar Partilhado - «Traz o teu prato e algo para partilhar - se puderes, claro. Se não puderes, aparece na mesma que há comida para todxs!» - e de uma Assembleia Popular. «Queremos pão, saúde e educação, queremos um mundo em que a dignidade de todos seja respeitada!», clama a convocatória.

Fontes

Plataforma 15 de Outubro: 42º COMUNICADO DE IMPRENSA - PLATAFORMA 15 DE OUTUBRO APELA À PARTICIPAÇÃO NOS PROTESTOS DE DIA 31 DE OUTUBRO

Assembleia Popular de Coimbra: Contra o Orçamento de Estado! Que se lixe a Troika!

Que se Lixe a Troika: Comunicado

Movimento Sem Emprego: All’s fair in love and (class) war

SEP: Manifestação de 31 de Outubro

Associação de Combate à Precariedade: http://www.precariosinflexiveis.org/

Sindicato dos Trabalhadores em Funções Públicas e Sociais do Centro: Comunicado

 

Editores: 
Artigo baseado em informação proveniente de movimentos sociais.
Secção: 
Etiquetas: